Volver a Cancionero



Chão de Estrelas,Acorde Guitarra, Letra Tabladura, Cancionero Tuna,


.

Chão de Estrelas

Autor: Orestes Barbosa

0000TunaEspaña-Tunas-de-España-Tunas-Universitarias-Cancionero-tuna-,tunos.com, certamen internacional  tuna, tuno, musica tuna, dism, buen tunar,Estudiantinas, certamen Costa Calida,

Interpretan: TunaEspaña,

TunaEspaña (Don Dudo) www.TunaEspaña.es , Silvio Caldas  

Ritmo:

.

Tono:A
Dm   Am F E7 Am

Am               E7                                       Am
Minha vida era um palco iluminado
E7                             A7
eu vivia vestido de dourado
  A7/C#                                  Dm
Palhaço das perdidas ilusões
                            E7                 Am
Cheio dos guizos falsos da alegria
                                               B7
Andei cantando a minha fantasia
                                                   E7
Entre as palmas febris dos corações
Am                  E7                        Am
Meu barracão no morro do salgueiro
                 E7                           A7
Tinha o cantar alegre de um viveiro
                                           Dm
Foste a sonoridade que acabou
                               E7           Am
E hoje, quando do sol, a claridade
                                                   Bb
Forra o meu barracão, sinto saudade.
           E7                              A
da mulher pomba-rola que voou
             F#m                               C#m
nossas roupas comuns dependuradas
                                              D
na janela qual bandeiras agitadas
                                           C#7
pareciam um estranho festival
Bbº                     F#7            B7
Festa dos nossos trapos coloridos
                                                     E7
A mostrar que nos morros mal vestidos
                                      A   C#7
É sempre feriado nacional
    F#m                                 C#m
A porta do barraco era sem trinco
                                          D
Mas a lua furando nosso zinco
                                               C#7
Salpicava de estrelas nosso chão
Bb°                   F#7         B7
Tu pisavas nos astros, distraída
                                                   E7
Sem saber que a ventura desta vida
                                             A   F  A
É a cabrocha, o luar e o violão.

 

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Comments are closed.

Volver a Cancionero